Como ajudar os desabrigados pelas chuvas no Maranhão

Whatsapp
  
  Atualizado em 11/05/2009
 


Irmãos Maranhenses,


Nosso Estado foi fortemente atingido pelas chuvas, ocasionando muitos infortúnios para milhares de famílias. Pobre Maranhão. Que Deus tenha piedade de nós. Já que os ministros do TSE não tiveram. Dessa forma, estou numa campanha de arrecadação de roupas e alimentos não-perecíveis juntamente com minha sobrinha de 15 anos. Bravamente, Wallenna teve a iniciativa de ajudar os nossos irmãos atingidos, que perderam suas casas e demais objetos domésticos. Falou com a diretora da escola, convidou outra coleguinha e foi de sala em sala de aula, fazer o pedido de colaboração na escola em que estuda, no bairro do Sol e Mar. Inclusive, se emocionando ao falar com os colegas da escola. Enquanto eu iniciei na minha casa e quando soube que ela havia feito, sorri e me emocionei. Eu me vi na minha sobrinha, e resolvi então ampliar a corrente. Porque às vezes, a rotina diária acaba nos afastando de problemas e coisas que acontecem bem debaixo do nosso nariz. A nossa sociedade tem nos tornando individualistas demais. Vamos nos espelhar no exemplo de uma garota de 15 anos que podia estar imaturamente pensando em coisas supérfluas. Dê uma olhada na sua casa, nas roupas que só estão ocupando espaço, ou então divida com que não tem e pior nem tem a perspectiva de ter logo.  Estou aguardando contato de todos os meus amigos, conhecidos e colegas para arrecadarmos juntos em prol dos nossos irmãos maranhenses. Porque a solidariedade nasce do sentimento de humildade aliado à irmandade.

 Vocês conhecem a fábula do beija-flor? 

“Houve um incêndio na floresta e enquanto todos os bichos corriam apavorados, um pequeno beija-flor ia do rio para o incêndio levando gotinhas de água em seu bico.  O leão, vendo aquilo, perguntou para o beija-flor:  
 - Ô beija-flor, você acha que vai conseguir apagar o incêndio sozinho"  
E o beija-flor respondeu:  
- Eu não sei se vou conseguir, mas estou fazendo a minha parte. ”

 

Portanto, vamos todos fazer a nossa parte, (e como disse uma amiga que também está com essa missão).
 “Não quero ser nenhum beija-flor, prefiro formar um exército de beija-flores  com a ajuda de vocês! É urgente, pra ontem!

Abraços,

Vânia Frazão
Publicitária - Especialista em Assessoria de Comunicação - Especialista em Comunicação Corporativa - Gestor de Produtos e Marcas
Contato: (98) 8117 4417  / (98) 88393130

Onde Tem Solidariedade, Tem Kamaleao!

Comentar

<%PostCommentPage%>
Todos as Notícias Anterior · Próxima